Guelra - Laboratório de Transcriação Coreográfica é um laboratório transdisciplinar de interacção e interligação artística que existe em Braga desde 2011 e que tem como poética de criação a transfiguração e experimentação da vivência e memória da cidade, corporalizada pelo movimento híbrido dos corpos na sua trans-substanciação
noutros corpos e média. Cada laboratório é orientado por um artista convidado.
Durante uma semana de experimentação, pesquisa-se a ligação entre quatro pontos principais:
o espaço, a memória, o corpo e a escrita, usando o mapa da cidade - Use it Braga - e o seu deslocamento para uma zona de intervenção artística pré definida.
Centrado na exploração de um conhecimento empírico, focado nas subjectividades e diversidade dos participantes, o foco principal deste projecto é a pesquisa criativa híbrida, em solos e colaborações performativas interdisciplinares para site specific, ambientes interactivos entre o espaço público,
o corpo e a escrita, tendo como ponto de partida a relação entre movimento e sensação, a interacção entre movimento e outras artes, o movimento como meio de pensar o corpo e os seus limites e o movimento como motivo de transformação.


Criação: Teresa Fabião

 

FICHA TÉCNICA

Produção  ARTE TOTAL

Parceiro: GNRation
Concepção: Teresa Fabião
Directora Arte Total: Cristina Mendanha
Programação GNRation: Luís Passos 

Intérpretes-criadoras:: Mariana Amorim e Teresa Fabião
Fotografia: Play Bleu

Concepção de Vídeo: Play Bleu

Edição de som: Pedro Marques

Assistência de produção: Sara Borges, Hugo Carvalho e João Coutada

Ano 2016

Guelra

Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra
Guelra